Miguel Carrero renova a confiança como presidente de Previsão Nacional de Saúde

A candidatura ao Conselho de Administração da Previsão Sanitária Nacional (PSN), encabeçada por Miguel Carrero, continuará à frente da Mútua durante os próximos seis anos, tal como foi proclamada a Junta Eleitoral, após não ter sido apresentada nenhuma candidatura adicional

Imagem da Assembleia da PSN/Foto fornecida pela Previsão Nacional de Saúde

Segunda-feira 07.05.2018

Sexta-feira 23.06.2017

Se incorpora ao Conselho José Maria e Fernando, ex-presidente da Mutualidade de Doutores e Licenciados, e continuam, além de Miguel Carrero, Carmen Rodriguez, Miguel Triola, Estêvão Ímaz, Eudald Bonet, Tomás do Monte, Miguel Morgado, Manuel Pérez, Juan José Porcar, Filemon Rodrigues e Maria José Suárez Quintanilla. Todos eles se reunirão na primeira sessão plenária para determinar os cargos de Presidência, Vicepresidencias e Secretaria do órgão de governo.

A proclamação teve lugar no seio da Assembleia Geral Ordinária, realizada hoje, em que os mutualistas são referendado as contas e a gestão de 2017. No Relatório do presidente se delinearam as grandes linhas do referido exercício, em que se registaram importantes crescimentos em diferentes magnitudes.

Miguel Carrero colocou o acento nas figuras de maior caráter social, ou seja, as que mais directamente influenciam o benefício dos mutualistas. Assim, fez-se referência a aspectos como os mais de 175 milhões de euros, distribuídos a título de prestações, ou seja, em cumprimento do compromisso de proteção da PSN, tal como foi destacado Carrero, “que trazem segurança para os nossos mutualistas e das suas famílias”.

Do mesmo modo, indicou que “podemos estar muito orgulhosos” dos mais de 11 milhões de euros devolvidos aos mutualistas por participação em lucros através da maioria de seguros de poupança e mistos, PSN, o que representa cerca de 40% mais que no ano de 2016, somando nos últimos seis exercícios cerca de 50 milhões de euros. A rentabilidade deste tipo de seguros foi em 2017 do 4,20% e a média anual dos últimos seis anos, está perto do 5% de juros.

Por outro lado, o presidente da PSN fez alusão aos números de negócio da Entidade, como os 1.361 milhões de euros de poupança gerido (13,5% a mais do que em 2016), os 289 milhões em faturamento (7%), os 2,14 milhões de lucro depois de impostos, ou os cerca de 70 milhões em fundos próprios (2%). Tudo isso, graças a um grupo cada vez maior, formado por cerca de 114.000 mutualistas e mais de 227.000 segurados.

Para além da actividade seguradora

Carrero também salientou em todo o trabalho de PSN que transcende o âmbito puramente seguradora: “nós Somos uma organização sem fins lucrativos, que pretende oferecer um serviço integral e que reverte os benefícios que obtém os profissionais a que protege. É Por isso que temos passado de uma mútua de seguros para se tornar um verdadeiro grupo empresarial que aborda e desenvolve outras linhas de atividade, intimamente relacionadas, como resposta às preocupações e necessidades de seus segurados em outros domínios inseparáveis e de vital importância, de caráter profissional, social e pessoal”.

Além disso, anunciou a futura criação do Programa Filia, que pretende contribuir, através do voluntariado do coletivo protegido, “a atenuar as graves conseqüências que a solidão tem hoje, nos nossos maiores”. Esta iniciativa nasce com a idéia de aglutinar empregados e mutualistas, embora não se descarta ampliá-la para o resto da comunidade de profissionais universitários.

O presidente da PSN falou à Assembléia sobre o novo seguro de Saúde em que trabalha o Grupo: “o Nosso excepcional conhecimento do mundo da Saúde, de cuidados de saúde e, mais especificamente, da realidade do coletivo médico, nos permite ter uma sensibilidade muito profunda a respeito do que é necessário para constituir o melhor seguro de Saúde possível. Essa é a essência de nosso modelo, o que realmente torna único o nosso projecto de Saúde, com dois pilares fundamentais: o paciente e os profissionais de saúde. A partir desse duplo abordagem, estamos desenvolvendo um produto que além de oferecer o melhor serviço e atenção ao paciente, concede-se de uma importância capital para o trabalho do profissional que presta os seus serviços”.

Finalmente, Carrero se referiu à constituição da PSN Gestão Socimi, a sociedade de investimentos em mercados imobiliários que iniciou a sua cotação no MAB, no passado mês de dezembro e sobre o que foi anunciado um projeto de ampliação de seu capital, especialmente dirigida aos mutualistas da empresa.

(Não Ratings Yet)
Loading…

Leave a Reply